If you are interested in adidas ACE 16.1 FG/AG Black Yellow,Continue Reading.

友情链接:澳门网络赌博网址金沙开户网址网上开户赌博赌博网开户葡京真人开户澳门赌博官网官方赌博网澳门葡京赌场网站赌博开户网站澳门赌场官方网址赌博官方网站澳门赌博网址大全澳门葡京国际澳门赌博官方网址新葡京线路检测澳门金沙娱乐场官网澳门金沙赌场澳门新葡京网上娱乐开户澳门新葡京赌场网址澳门赌场官网网址赌场游戏澳门葡京代理开户澳门新葡京公司澳门葡京赌场平台澳门网络赌场澳门金沙官网线上娱乐澳门新葡京赌场大发888在线澳门葡京赌场娱乐大发888开户澳门金沙集团澳门赌场网上娱乐澳门金沙网开户澳门赌场开户澳门金沙官方澳门新葡京开户官网澳门赌场平台赌场官方网站澳门葡京赌场官网娱乐新葡京导航网站大全澳门葡京赌场线上娱乐澳门赌场网址澳门金沙官网网址澳门金沙平台澳门赌场网站澳门葡京赌场官网澳门金沙开户澳门葡京导航澳门赌场官网澳门金沙网站澳门新葡京官方网址澳门赌场澳门金沙官网澳门金沙网址网上澳门新葡京澳门博彩大全体育博彩现金网澳门网上博彩澳门线上博彩评级官网澳门线上娱乐网投平台澳门网络博彩官网澳门线上娱乐网澳门网络在线博彩澳门葡京博彩澳门博彩导航网址大全澳门线上博彩官网新葡京网址娱乐澳门新葡京网上娱乐场
Corsa Team – Clube Oficial Chevrolet Corsa » Blog Archive » Tudo sobre pneus
If you intresting in sport buy steroids you find place where you can find information about steroids , also intresting stanozolol online

Tudo sobre pneus

Conheça o pneu que você usa!

Conheça tudo o que você precisa saber sobre seus pneus e como tornar sua vida útil muito maior do que o normal e sem cuidado nenhum.

Carcaça: parte resistente do pneu; deve resistir a pressão, peso e choques. Compõem-se de lonas de poliéster, nylon ou aço. A carcaça retém o ar sob pressão que suporta o peso total do veículo. Os pneus radiais possuem ainda as cintas que complementam sua resistência;

Talões: constituem-se internamente de arames de aço de grande resistência, tendo por finalidade manter o pneu fixado ao aro da roda;

Parede lateral: são as laterais da carcaça. São revestidos por uma mistura de borracha com alto grau de flexibilidade e alta resistência à fadiga;

Cintas (lonas): compreende o feixe de cintas (lonas estabilizadoras) que são dimensionadas para suportar cargas em movimento. Sua função é garantir a área de contato necessária entre o pneu e o solo;

Banda de rodagem: é a parte do pneu que fica em contato direto com o solo. Seus desenhos possuem partes cheias chamadas de biscoitos ou blocos e partes vazias conhecidas como sulcos, e devem oferecer aderência, tração, estabilidade e segurança ao veículo.

Ombro: É o apoio do pneu nas curvas e manobras.

Nervura central: proporciona um contato “circunferencial” do pneu com o solo.

ITEM DESCRIÇÃO
1 MARCA / MODELO DO PNEU
2 STEEL BELTED RADIAL – Tipo de construção do pneu (Radial com Cintas de Aço)
3 Medidas do Pneu:33 = Diâmetro externo em polegadas (x 2,54)

11.50 = Largura do pneu em polegadas (x 2,54)

R = Radial

15 = Diâmetro da Roda (aro) em polegadas (x 2,54)

6PR = 6 lonas

108 = Indicador de carga máxima para o pneu (ver tabela abaixo)

Q = Indicador da velocidade máxima para o pneu (ver tabela abaixo)

4 Certificação E4 (Comunidade Econômica Européia)
5 TUBELESS – Indica que o pneu é sem câmara
6 Número de série de fabricação
7 Nome fantasia do pneu
8 Certificação DOT (Departamento de Transportes dos EUA)
9
Aviso de Segurança:SAFETY WARNING – Serious injury may result from:

- Tire failure due underinflation / overloading – -

Follow owner’s manual or tire placard in vehicle

- Explosion of tire / rim assembly due improper mouting

Only specially trained person should mount tires.

TraduçãoAVISO DE SEGURANÇA – Serios danos podem ocorrer de:

- Falha do pneu devido a baixa pressão / excesso de carga.

Siga o manual do proprietário ou verifique as plaquetas no veículo.

- Explosão do pneu ou encaixe da roda devido a montagem inadequada.

Somente pessoas especialmente treinadas devem montar os pneus.

10 Certificação INMETRO
11 MT 754 – Código do modelo do pneu
12 Origem da fabricação do pneu
13 Indicação nominal da carga máxima em Kg e Libras e pressão máxima em Kpa e PSI
14 Descrição da construção da carcaça e paredes laterais (quantidade e tipos das lonas)

Como evitar o desgaste prematuro dos pneus de automóveis

Pneus em boas condições de uso são componentes essenciais para a segurança dos motorista e passageiros, além de contribuir para a redução de consumo de combustível. Veja algumas precauções a serem tomadas a fim de se evitar o desgaste prematuro dos pneus.

1. Com os pneus ainda frios, uma vez por semana, calibre-os de acordo com as recomendações do manual do proprietário.

2. Ao escolher uma determinada medida e modelo de pneu para o seu carro, siga as recomendações do manual do proprietário.

3. O alinhamento e balanceamento do carro também são fundamentais para se evitar o desgaste prematuro dos pneus. Quando fazer: troca de pneus, rodízio pneus, desgaste irregular dos pneus, carro “puxando para os lados”, sensação de vibração ao segurar o volante, impactos em buracos, guias ou obstáculos, etc.

4. Alguns componentes do carro, quando defeituosos, podem acelerar o desgaste dos pneus: rolamentos das rodas, buchas da suspensão e eixos.

5. Faça o rodízio de pneus a cada 10.000 km ou quando notar que os pneus estão desgastando de maneira irregular.

Como fazer rodízio de pneus do carro

Quer prolongar a vida dos pneus do seu carro? Aprenda a fazer rodízio. Pneus em ordem são fundamentais para a sua segurança ao dirigir.

1. Para deixar o desgaste de seus pneus mais uniforme, faça o rodízio a cada 10 mil Km.

2. A mudança (pneus normais) deve ser feita em formato de X. Veja: pneu dianteiro direito deve ser colocado no lugar do pneu traseiro esquerdo e pneu dianteiro esquerdo no lugar do pneu traseiro direito. Com a troca, as partes do pneu que ficavam para fora do carro, passam para dentro e vice versa, equilibrando assim o desgaste dos pneus.

3. Para os pneus radiais, o rodízio deve ser feito em linha reta.

4. É sempre recomendável colocar os pneus mais novos no eixo traseiro. Garantirá melhor aderência nas curvas, melhor estabilidade na frenagem etc.

5. Depois de fazer o rodízio de pneus, faça o alinhamento e balanceamento. Caso contrário, seus pneus continuarão gastando de maneira desigual.

6. Problemas na suspensão e amortecedores também podem provocar um maior desgaste nos pneus. Por isso, antes de comprar pneus novos, leve seu carro a um mecânico para ver se algumas peças estão danificadas.

A importância da pressão correta

A pressão de ar é o fator que mais afeta o desgaste do pneu e, por conseqüência, sua vida útil. Saiba como a pressão excessivamente baixa ou alta pode afetar diretamente o pneu.

Pressão baixa

Pneu com baixa pressão tem sua área de contato com o solo alterada, provocando desgaste acelerado e irregular da banda de rodagem e dos “ombros”. Isso reduz sua durabilidade e aumenta o consumo de combustível. Outras conseqüências que podem advir da baixa pressão: superaquecimento, quebras e separações dos componentes estruturais do pneu.

Pressão alta

Também altera a área de contato do pneu com o solo, ocasionando desgaste acelerado no centro da banda de rodagem e reduzindo a durabilidade do pneu. Devido ao supertensionamento da carcaça, o pneu fica mais suscetível a cortes e impactos. Pressão alta reduz o conforto ao dirigir (carro vibra mais com irregularidades do solo).

Prazo para verificação da pressão e cuidados em viagem

Verifique a pressão dos pneus semanalmente ou, no máximo, a cada 15 dias. Antes de empreender longas viagens, também faça uma checagem. Lembre-se de verificar a pressão sempre com os pneus frios. De preferência, faça-o pela manhã.

Pneu de passeio, dependendo do percurso e da velocidade, pode demorar até 2 horas para esfriar. Nunca “sangre” o pneu – retirar ar quente. Examine sempre as válvulas, que devem ser mantidas com as tampas – protegem contra impurezas e evitam vazamentos.

Se o veículo for viajar carregado, aumente a pressão de 2 a 4 libras/pol² – desde que esse aumento não ultrapasse a máxima recomendada.

Lembre-se de manter o estepe calibrado e em ordem para rodar, caso necessário.

Matérias relacionadas

Comentários

  1. Tá procurando pneus?

    então veja oque o atacadão preparou pra você
    toda linha em pneus NOVOS!
    Você paga tudo em até 10X sem juros.!
    E tem a chance de economizar até 50%!
    Acredite
    entre e confira
    http://www.atacadaopneus.com.br
    A preço de atacado.

Faça um comentário